Cáritas Diocesana de Coimbra vai coordenar uma das três Redes Temáticas da Comissão Europeia para 2018

A Cáritas Diocesana de Coimbra vai coordenar uma das três Redes Temáticas da Comissão Europeia para 2018, com o tema Smart Healthy Age-Friendly Environments – ambientes inteligentes, saudáveis e inclusivos.

A Cáritas de Coimbra, com o apoio da AFEdemy Ltd., apresentou esta proposta como iniciativa estratégica para uma declaração conjunta em 2018. Dez propostas estiveram em votação até 7 de dezembro, na Plataforma de Política de Saúde da União Europeia, tendo a proposta da Cáritas sido a primeira selecionada, na sequência dos resultados divulgados na semana passada.

A reunião de lançamento da Rede será realizada na Comissão Europeia em Bruxelas, no próximo dia 10 de Abril, e contará com a presença dos coordenadores das 3 redes selecionadas.

Esta Rede, nas palavras da sua Coordenadora, Carina Dantas, terá como objetivo “discutir e facilitar a criação de ambientes saudáveis e amigáveis para todas as idades, através da utilização de novas tecnologias, como uma prioridade para a política de 2018, com vista à produção de uma declaração de participação (join statement) abrangente e participada. Em termos mais concretos, pretende-se realçar a importância dos principais aspetos destes ambientes amigáveis – as Pessoas e os Espaços – na criação de soluções digitais com qualidade e acessíveis a todos. O que queremos é valorizar a Pessoa enquanto elemento central de todo este processo de digitalização”.

A revitalização das iniciativas de Envelhecimento Ativo e Saudável (preparando pós-2020) implicará discussões de alto nível entre diferentes grupos, redes e até organizações internacionais, compreendendo a interdependência dessas matérias com uma Europa saudável e competitiva. Esta Rede Temática pretende criar um alinhamento político de alto nível de todas essas redes e iniciativas para assuntos de envelhecimento. Alinha-se com as Prioridades da Saúde da UE na criação de sinergias que irão aumentar a qualidade, a inovação e a sustentabilidade para a implementação de melhores sistemas de saúde e cuidados, crescimento económico e saúde sustentável, em linha com o Projeto de Transformação Digital de Saúde e Cuidados.
A Cáritas de Coimbra pretenderá promover a participação de um conjunto alargado de organizações nacionais e internacionais nesta discussão