“Mais Conforto Melhor Mente” implementado pela Casa do Povo de Abrunheira

A Casa do Povo de Abrunheira melhorou substancialmente a qualidade de vida dos clientes institucionalizados, através do projeto “Mais Conforto Melhor Mente” apoiado pelo Programa EDP Solidária – Inclusão Social 2018.

Através deste projeto, a instituição aumentou o bem-estar e o conforto térmico na sua Residência Sénior Baixo Mondego, criando igualmente, a portadores de demência, a receptividade necessária para receber estímulos diáriamente, com vista a tornar o sistema cognitivo mais interactivo com o meio que o rodeia.

Na prática a intervenção consistiu na realização de obras de calafetagem e instalação de equipamento de climatização, um sistema de Água Quente Sanitária (AQS) e um sistema anti-legionella.

Estas melhorias beneficiam não só directamente os clientes institucionalizados, como  toda a cadeia de cuidados prestados, com melhorias físicas e térmicas nos equipamentos, melhorias nos fluxos das actividades diárias de higiene, segurança, alimentação e cuidados de saúde que lhes são prestados, bem como aos profissionais a si dedicados e também muito importante, num ambiente de receção dos seus familiares, com espaços aprazíveis com vista sobre o baixo mondego, numa bela sala panorâmica, devidamente climatizados, não descurando as novas opções que passou a disponibilizar para o desenvolvimento das terapias complementares e actividades de animação que lhes são agora ministradas.

Em termos terapêuticos, a evolução e o impacto que tem tido nos clientes tem sido muito positivo, assim como na opinião dos seus familiares, expresso através de questionários de satisfação que lhe são disponibilizados.

Em suma, este apoio da Fundação EDP à Casa do Povo de Abrunheira, veio comprovar que a aposta em verdadeiras soluções de inovação social, são profícuas e beneficiam toda a comunidade.